Os filtros DSL ( Digital Subscriber Line ) , também conhecidos como microfiltros, são pequenos dispositivos que se conectam à linha telefônica para filtrar interferências no telefone quando há serviço telefônico e serviço ADSL na mesma linha.

Nem todas as instalações ADSL e de telefonia requerem o uso de filtros DSL. Por exemplo, não são necessários quando o serviço de telefonia é feito por Voz IP (as ligações são transmitidas pela internet).

Características básicas de microfiltros

Um microfiltro ou filtro DSL é um pequeno dispositivo, geralmente retangular ou quadrado, que possui conexões telefônicas em ambas as extremidades.

Em uma das conexões está conectado o telefone e na outra a linha telefônica está conectada. Além de telefones, faxes e secretárias eletrônicas também requerem o uso de microfiltros.

O filtro separa os sinais de voz e os sinais de dados que trafegam na mesma linha para que não interfiram um com o outro. É necessário conectar um microfiltro a cada telefone, fax, secretária eletrônica, etc.

Instalações ADSL com divisor

As instalações ADSL conhecidas como DSL dividido não precisam usar microfiltros. Nessas instalações, o técnico da empresa de telecomunicações instala um divisor no cabo telefônico principal do prédio.

Do divisor saem duas linhas, uma que alcançará os conectores de telefone padrão e a outra exclusivamente para modems ADSL. O divisor já separou os sinais de voz e dados e, portanto, não há necessidade de usar o filtro DSL posteriormente.

Porém, as instalações com filtros DSL são muito mais comuns do que as instalações com divisor, pois podem ser conectadas pelo próprio usuário sem a intervenção de nenhum técnico.

Para conexões de Internet via fibra ótica, redes de telefonia móvel ou via satélite, não é necessário o uso de filtros DSL.